Estudando o Espiritismo

Observe os links ao lado. Eles podem ter artigos com o mesmo tema que você está pesquisando.

sábado, 13 de maio de 2017

SOLIDARIEDADE UNIVERSAL

Se olharmos ao nosso redor, nos mínimos detalhes da natureza, do Universo, iremos perceber que tudo o que está ao nosso redor é solidário, isto é, está para servir a todos, ao bem comum. As paisagens, os aromas, as cores, o ar, enfim, os grandes recursos naturais e essenciais à vida Deus se preocupou em oferecer a todos, sem distinção alguma. Porém, nós, espíritos encarnados, ainda mergulhados nas encrustações materialistas e tendenciosas não nos damos conta desta Lei Universal. Por que então vivemos nesta disputa individualista sem fim? Onde o mais poderoso, o mais rico financeiramente, aquele com uma melhor posição social é mais admirado por todos? Por que nos deixamos levar pela pequenez das particularidades? Prestemos bastante atenção nos nossos modos de encarar o mundo meus irmãos.
Não há outro caminho para a Humanidade senão o da solidariedade. No sentido mais amplo da palavra, não apenas naquele que se refere à divisão do alimento, da moradia, dos recursos materiais, mas também a solidariedade espiritual. Somos solidários quando visitamos um enfermo e ouvimos suas lamentações, suas queixas perante as provas que suporta... Somos solidários quando temos resignação diante dos infortúnios da vida... Somos solidários quando estendemos a mão para um desconhecido... Somos solidários quando somos agredidos e oramos pelo inimigo...
Somos solidários quando não nos omitimos perante injustiças... Somos solidários quando não cruzamos os braços acomodados...
Enfim, somos solidários quando buscamos dentro de nós a nossa missão individual, estabelecida com a espiritualidade, e agimos com fé para cumprí-la até o fim... Estes pequenos gestos, na verdade não têm nada de pequenos diante da Espiritualidade. Um grande clarão se irradia a partir deste momento, melhorando a atmosfera da Terra. Tornamos o ambiente ao redor do planeta mais favorável à aproximação de espíritos mais elevados... E sem dúvida, atraímos para junto de nós amigos que passarão a nos acompanhar e nos estimular a sermos cada vez mais solidários para com a Humanidade. Lembremos, meus irmãos, de que não somos donos de nada na Terra, nem mesmo do nosso corpo. Temos apenas a sua posse. Um dia deveremos prestar conta a nossa própria consciência sobre o bom ou mau uso destas posses enquanto encarnados. Por que então corrermos o risco de atrasarmos a nossa própria evolução? A evolução da Terra? Por que dizemos que seguimos as palavras do Cristo, mas lá no nosso íntimo, agimos ao contrário? Sejamos Cristãos verdadeiros e não somente da “boca pra fora”. Não há mais tempo para deslizes infelizes como esse... A Terra passa por uma grande transformação para um mundo de Regeneração. Façamos jus para merecermos continuar fazendo parte desta grandiosa família regida por Jesus. Ele quer que ajudemos a construir este Novo Mundo de amor e solidariedade.