Estudando o Espiritismo

Observe os links ao lado. Eles podem ter artigos com o mesmo tema que você está pesquisando.

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

ÓDIO E VINGANÇA NOS TRAZEM ESPÍRITOS OBSESSORES E PERDA DE VIDA

ÓDIO E VINGANÇA NOS TRAZEM ESPÍRITOS OBSESSORES E PERDA DE VIDA


Estimados amigos da doutrina espírita, companheiro de ideal, vivemos momentos complicados dentro do nosso dia á dia.
Vemos hoje na vida exemplo claros de energia do mal, de como podemos atrair maus espíritos, e como ativamos nosso ódio, e assim nossos obsessores, pelo que vemos na TV.
Dia após dia durante 06 meses na maior rede de Televisão do Brasil, temos um tema forte de VINGANÇA, vividos na pele de Carminha e Nina nome dos personagens.
Ali todos os dias, vemos gritos, berros, vinganças, obsessão encarnada, desencarnada pois embora seja ficção, está sendo prolongada pela audiência da tal novela.
Não entro no mérito, mas eles mantém o que o povo sente, ódio, raiva, porque quem tem um pouco de nível e conhecimento espiritual não gasta seu tempo, sua energia, e sobretudo não chama a sua sala espíritos a fins desta mesma.
A novela ensina e diz que a vingança vale a pena, destruindo o que disse o Cristo, "dar a outra face", perdoar 70 vezes 7, todos os dias.
Logo grande parte da população Brasileira, faz apologia ao ódio, a vingança, nem vou falar da prostituição livre e aberta que novela ensina aos filhos, e ativa em mães e pais, com personagens específicos  alimentando a promiscuidade dentro do lar.
A crítica não é a novela, ela foi escrita, com base em fatos reais, muitos se olham em situações maiores ou menores nos casos de Carminha e Nina, e fazem apologia.
Quero lembrar que o fato de estar na TV não impede que no horário no entorto da sua sala, ou quarto, espíritos, do mal, perdidos nas trevas, com energias iguais a essa, alimentem vossos piores pensamentos, das suas problemáticas, e logo uma rede real está formada.
Outro personagem venerado, pelo público, nasce do ódio de um garoto, rico, mimado, que ao não conseguir ficar no teatro com os pais, é levado para fora, por não saber encarar situações que lhe traziam medo, foi tomar um ar, e ali foram assaltados seus pais, e mortos, Bruce Wayne, cresce então com o ódio, e a raiva em seu coração, e com o poder do dinheiro.
Investindo milhões para perseguir as vezes criminosos que saíram da imaginação de alguém que carrega consigo muita raiva do sistema.
Logo ele mostra que com dinheiro se pode tudo, porque para matar os bandidos, ele gasta milhões, quando se tivesse perdoado, mesmo sendo um personagem fictício, daria a humanidade uma outra lição.
Porque estes personagens como disse meu amigo Maurício do centro Semente de Luz, aliás sobre a luz desta mesma temática, vingam no cinema e na TV?
Porque estamos vivendo em ódio, em raiva, em vingança.
Vou trazer aos amigos um trecho de uma fala dos Espíritos, da página 158 do livro O CÉU E O INFERNO de ALLAN KARDEC, lembrando a todos que o espírito ali diz, que a FELICIDADE como a entendemos é apenas uma ficção, pendindo que vivamos santamente,, no espírito da caridade e amor para que estejamos preparados para as sensações que nossos maiores poetas não podem cantar, e completa, o texto que uso para provar aos senhores que cenas de filmes assim e de novelas fazem muito mal espiritualmente, a nós, até porque nos leva ao sentimento lá exposto.
"Os contos de fadas estão sem dúvida cheios de coisas absurdas. Mas não seriam eles, em alguns pontos, a pintura do que se passa no mundo dos espíritos? "

Então amados embora parte do texto se encaixe no tema da obra, cabe aqui como exemplo que os senhores e as senhoras verifiquem o que estão vendo, ouvindo, lendo, ou programando no cinema.
Estas energias nos levam a sentimentos de vingança, a explosões de ódio, ou quem não torceu aqui para o Curinga, ou mesmo para a Nina, já que todos temos um pouco de Carminha quando se trata de obter o poder.
É hora de nos revelarmos verdadeiros, pois estamos em delito espiritual sim.
Allan Kardec diz claramente dos compromissos de todos nós espíritas, e não espíritas, espiritualistas ou neo-espiritualistas.
Seguir as regras do Cristo, Jesus, nossa referência, em perdão e amor.
Sei que não é fácil meu amigo, minha amiga, sei que é complicado.
Está ai sua prova, a de subjulgar-se a quem te humilhou, fazer dentro dos preceitos ensinados, no evangelho, o segmento do amor, o verdadeiro amor fraterno, com perdão.
Nosso corpo é energia, chacras, pontos vitais, que o períspirito protege e recebe as cargas, 85% das doenças nascem do ódio, da vingança da falta de perdão, estamos ficando OBSEDIADOS, por encarnados e desencarnados, por nossa escolha, porque não estamos praticando o que aprendemos, e somente em muitos casos, na hora da morte física, temos arrependimento, nesta hora garanto pouco vai adiantar.
Sua vida é aprender, é sofrer, para evoluir, sem o sofrimento, não tem evolução já parou para pensar o que pode ter feito para seu algoz de hoje?
Nos casos mais agudos ultimamente de ódio, vejo relações de amor, que começaram com traições, erros, adultério, o que começa errado termina errado, certo?
Errado.
Uma vez admitido o erro, se existe amor, tem de haver perdão, não vingança, não falta de esquecimento.
Este tema tem levado muitos a Casas Espíritas, por ser o que responde por 70% do ódio e da raiva, e portanto no mesmo índice para a vingança.
Que amor foi este que precisa de vingança, que não existe perdão, sobretudo se forem filhos de um erro?
Cresceu em 77% a relações entre casais divorciados, alguns que se conhecem durante o matrimônio original, e logo cometem adultério em nome da felicidade.
No meio da jornada existe a lei do retorno, a AÇÃO E A REAÇÃO, o casal se perde, sofrendo a mesma dor, que causou noutro, em proporções as vezes mais gigantescas.
Logo não podem mais serem felizes.
Podem, desde que esqueçam, perdoem e não olhem para trás.
Num novo recomeçar, sem ódio, sem raiva ou vingança nos preceitos desta maravilhosa doutrina e do que disse o mestre Jesus, aqui não existe aquela frase, feita por pessoas em depressão:
"Não nasci para ser feliz".
mentira, falta de coragem, para assumir erros e perdoar, e viver depois das dores da forma correta.
O que precisamos amados, é para de ser OBSESSOR em vida de alguém, e de atrair nossos verdadeiros OBSESSORES, espíritos que ficaram no plano Espiritual, na espreita de nossos erros de conduta, de nossos ódios, e vinganças, para realizarem a deles.

O que mais gosto nesta foto acima, é a capacidade mostrar o que vos espera se continuar alimentando o ódio, a raiva, e a vingança.
Alimentando espíritos perturbados e obsessores, é um vale de suicidas, porque suicida também é aquele que não perdoa, que humilha, que fica esperando causar a dor, mas não quer recebe-la.
Aqui no vale dos desesperados, não haverá diferença se não houver perdão, e poucos serão salvos, até que entendam a verdadeira LEI DO AMOR.

O Codificador desta maravilhosa doutrina, nos deu em suas 1019 perguntas aos imortais respostas para tudo, claras e evidentes, mas temos que praticar amados o amor, e não existe amor, sem perdão, sem esquecimento, sem palavras que ferem tanto quanto espadas, sem atitudes imorais, e que nos levem a um caminho sem volta.

Chico Xavier nos deixou por espíritos maravilhosos grandes ensinamentos, grandes frases, era uma pessoa simples, um homem de amor, de fé, de perdão, ofendido ao longo de sua jornada respondeu com amor.
Um dos seus textos mais publicados na Internet é este acima, então em nome de DEUS, amados e amadas, NÃO PERCAM SUA SAÚDE, e a fantástica experiência de vida, retirem a mágoa de vossos corações, não olhando para trás, o que doeu passou, e nada que você faça fará as coisas ruins ou mesmos as boas mudarem.
Olhe o grande aprendizado que você tem, e escolha a oportunidade de ser feliz aqui, sofrendo e aprendendo, e não permita que obsessores seus encarnados ou desencarnados, e outros que você crie ao longo da jornada tomem posse de sua mente e de sua vida.

Luz e paz.





David Chinaglia 56, é espírita,
pesquisador, e divulgador da 
doutrina espírita de ALLAN KARDEC.
davidchinaglia@gmail.com
@David Chinaglia (Twitter)
@Espiritismo Pira (Twitter)
David Chinaglia (Facebook)
Espiritismo Piracicaba (Facebook)