Estudando o Espiritismo

Observe os links ao lado. Eles podem ter artigos com o mesmo tema que você está pesquisando.

sábado, 2 de janeiro de 2016

PERTURBAÇÃO ESPIRITUAL

PERTURBAÇÃO ESPIRITUAL

FONTE: LIVRO DOS ESPÍRITOS – Allan Kardec

    Parte 2ª do Capitulo III – Da volta do espírito, extinta a vida corpórea, à vida espiritual. Pergunta 163 a 165.

    PERGUNTA 163: A alma tem consciência de si mesma imediatamente depois de deixar o corpo?
    RESPOSTA: Imediatamente não é bem o termo. A alma passa algum tempo em estado de perturbação.

    PERGUNTA 164: A perturbação que se segue à separação da alma e do corpo é do mesmo grau e da mesma duração para todos os Espíritos?
    RESPOSTA: Não; depende da elevação de cada um. Aquele que já está purificado se reconhece quase imediatamente, pois que se libertou da matéria antes que cessasse a vida do corpo, enquanto que o homem carnal, aquele cuja consciência ainda não está pura, guarda por muito mais tempo a impressão da matéria.

    PERGUNTA 165: O conhecimento do Espiritismo exerce alguma influência sobre a duração, mais ou menos longa, da perturbação?
    RESPOSTA: Influência muito grande, por isso que o Espírito já antecipadamente compreendia a sua situação. Mas, a prática do bem e a consciência pura são o que maior influência exercem.



Conclusão
    • A alma, comumente, não tem consciência de si mesma, depois deixar o corpo. Passa algum tempo em estado de perturbação. Porem, duração dessa perturbação depende muito da elevação de cada um. Aquele que já está purificado se reconhece quase imediatamente.

    • O conhecimento do Espiritismo exerce grande influência. Deve-se isso a que o Espírito já antecipadamente compreendia a sua situação. Todavia a prática do bem e a consciência pura são o que mais influencia exercem.
   • A perturbação espiritual seria um estado confuso em que o espírito se encontra após o desencarne, estado este, que não o permite tomar consciência de sua nova realidade, que é a vida espiritual. Essa perturbação pode ocorrer por não se ter uma conduta aqui na terra pautada nas linhas do evangelho, pode ser devido ao suicídio, etc.
   • O apego a matéria interfere na perturbação espiritual porque dificulta o desligamento do espírito do corpo, aumentando esse estado de perturbação.
   O espírito "Jacob", da obra – Voltei - afirma que esse apego funciona como forças que nos aprisionam mais à matéria, dificultando o desenlace. Daí a perturbação. Além disso, esse apego com freqüência nos induz, aqui enquanto encarnados, a uma série de comportamentos que são equivocados, trazendo-nos mais problemas.
   • A morte para o espírita, que sabe e acredita na vida futura, ou seja, no porvir da pátria espiritual, será de muito menor confusão, ou quase nenhuma.
   Mas não só ao espírita, e sim a todo aquele que levar uma vida de boa conduta e de amor ao próximo, fazendo tudo o que pode em beneficio dos menos afortunados. Estes terão um desencarne e uma vida espiritual muito calma e de compreensão mais fácil. E, portanto de menor duração.