Estudando o Espiritismo

Observe os links ao lado. Eles podem ter artigos com o mesmo tema que você está pesquisando.

sábado, 24 de janeiro de 2015

Veja no que deu a falta de paciência

Gerson Simões Monteiro

Vice-Presidente da FUNTARSO

Certo homem faminto e sem dinheiro, caminhando por uma estrada que margeava um rio caudaloso, viu no chão uma nota de cem reais encoberta pela poeira. Mais do que depressa a recolheu em suas mãos, e verificou, surpreso, que se tratava apenas da metade da cédula. Irritado com a sua falta de sorte, amassou-a entre os dedos e jogou-a no rio. Ao andar mais alguns metros, deparou-se com a outra parte da nota; no entanto, era tarde demais, porque a correnteza já havia levado a outra metade para bem longe de onde se encontrava.
De fato, na vida, por falta de paciência, perdemos inúmeras chances de sermos ajudados por Deus. Aliás, para sermos pacientes, é preciso educar a nossa vontade, ou melhor, nos segurarmos por dentro, controlando os impulsos de nosso mundo interior. Noutro dia, quase perdi a paciência depois de aguardar quase duas horas na sala de espera da dentista; porém, quando pensei em levantar-me para ir embora, lembrei-me da afirmação de Jesus: “Na paciência, ganhareis as vossas almas”, e voltei à calma novamente.
A paciência é uma caridade, conforme nos ensina também a mensagem do cap. 9 de O Evangelho Segundo o Espiritismo, de Allan Kardec. O mérito dessa caridade está em perdoarmos aqueles que Deus colocou em nosso caminho, para serem instrumentos do nosso sofrer e para nos porem à prova a paciência; um teste muito difícil, não resta dúvida.
O teste pode vir do parente difícil que mora dentro de nossa casa; do colega de trabalho, intratável; do chefe opressor; ou do motorista que buzina atrás do nosso veículo, querendo que avancemos o sinal para ele passar. Manter a paciência nesses casos será sempre uma forma inteligente de conquistarmos a nossa tranqüilidade íntima.
Segundo Chico Xavier, a neurose é o resultado da impaciência ou da falta de resignação. Diz ainda o médium mineiro que 60% a 80% de nossas doenças foram adquiridas através dos choques da intolerância, das ofensas e da falta de perdão. Por último, quero lembrar de novo: “É na paciência que ganhareis as vossas almas” – Jesus.