Estudando o Espiritismo

Observe os links ao lado. Eles podem ter artigos com o mesmo tema que você está pesquisando.

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

As orientações de Jesus sobre a ansiedade

As orientações de Jesus sobre a ansiedade


Buscando amenizar a ansiedade, as pessoas fazem uso de recursos nem sempre saudáveis, tais como: roer as unhas, comer exageradamente ou deixar de comer, fumar freneticamente, consumir bebidas alcoólicas com mais frequência; outras perdem o sono, outras dormem demais; e, no limite das próprias forças, muitas passam a utilizar medicamentos.
Há porém aqueles que procuram amenizar a ansiedade de modo mais positivo: praticam esportes, realizam exercícios físicos regularmente, dedicam-se à leitura, à música, a algum tipo de arte e, o que é mais raro, praticam a oração e a meditação.
Buscando compreender melhor essa questão, buscamos no Evangelho os ensinamentos de Jesus sobre o assunto, procurando compreendê-los com as orientações que a Doutrina Espírita nos oferece. Isso porque não há outro ser que conheça tão bem nossas necessidades e limitações como Jesus e, se ainda não entendemos suas orientações, dificilmente as colocaremos em prática.
Jesus se refere aos ansiosos como sendo aqueles que não confiam na Providência Divina. Mas, nas entrelinhas de seus ensinamentos, Ele também destaca outro fator gerador da ansiedade: a falta de confiança em si mesmo, na própria capacidade de realização. Portanto, a ansiedade surge quando um desses fatores ocorre ou quando os dois acontecem ao mesmo tempo: ou está faltando confiança na Providência Divina ou está faltando confiança em nós mesmos...
E Ele ainda reforça esses ensinamentos ao dizer: "Pedi e obtereis; batei, e abrir-se-vos-á; buscai e achareis". O que significam essas palavras? Elas podem ser assim compreendidas: ajuda-te, e o céu te ajudará! Somente com essas colocações é que se completam os ensinamentos de Jesus sobre a ansiedade! Acompanhe o raciocínio: partindo da confiança em Deus e em Sua Providência, e fazendo o máximo e o melhor ao nosso alcance, venceremos a ansiedade pois estaremos com a consciência tranquila e também confiando que todos os recursos disponíveis serão mobilizados a nosso favor! Só fica ansioso aquele que duvida! A dúvida gera a incerteza e esta, por sua vez, gera a ansiedade.
Considerando que os semelhantes se atraem, ao nos rendermos à ansiedade, estaremos igualmente entrando em sintonia com outros, encarnados e/ou desencarnados, que vibram nas mesmas ondas de inquietação, agravando ainda mais nosso estado íntimo.
Poderemos vencer nossas más tendências, ou amenizá-las, rogando o auxílio dos Bons Espíritos e de nossos Espíritos Protetores. Podemos, portanto, rogar a eles que nos auxiliem na conquista da confiança em Deus e em nós mesmos! Orando e meditando sobre as lições de Jesus e as orientações que o Espiritismo nos proporciona, aos poucos, passaremos a dominar a ansiedade, que tanto nos faz sofrer. Sofrer mais do que é preciso...
Ensinam os Benfeitores Espirituais que não reencarnamos pré destinados ao fracasso, à derrota, aos vícios...  Se Deus nos concedeu mais uma oportunidade de vida aqui no planeta, é porque Ele confia em nossa capacidade e aguarda, sempre esperançoso, por nossa vitória espiritual...
Jesus encerra seus ensinamentos sobre o tema convidando-nos a buscarmos, em primeiro lugar, "o Reino de Deus e sua justiça" pois todo o mais nos será dado por "acréscimo da misericórdia divina", já que Deus sabe que todos temos necessidades materiais, mas que elas são passageiras e  não são mais importantes do que nossas necessidades espirituais...
Busquemos esse "Reino de Deus" em nós mesmos, façamos o máximo ao nosso alcance, confiemos na Providência Divina e em nossa própria capacidade...Assim, a ansiedade nos deixará em paz... Somos nós que devemos dominá-la... Com as orientações de Jesus, estamos no caminho certo!