Estudando o Espiritismo

Observe os links ao lado. Eles podem ter artigos com o mesmo tema que você está pesquisando.

sexta-feira, 9 de maio de 2014

As Três Revelações - Moisés, Cristo e o Espiritismo


As Três Revelações - Moisés, Cristo e o Espiritismo
undefined
UNDEFINEDUNDEFINED
A Humanidade já recebeu três revelações:

- A primeira por Moisés, havendo duas partes distintas: a lei de Deus, onde está formulada os dez mandamentos; e a lei civil ou disciplinar. Uma é invariável; a outra, apropriada aos costumes e ao caráter do povo que se modifica com o tempo.

- A segunda trazida por Jesus Cristo, consagrou toda a parte moral e imutável da primeira, sintentizando os 10 mandamento em dois “Amar a Deus e ao próximo” derrogando tudo aquilo que tinha caráter transitório e que já havia feito a sua época, destacando como ponto capital que nenhuma instituição religiosa poderá prevalecer se não estiver alicerçada sobre as do Amor.

O amor ao próximo é a ponte que liga a criatura ao Criador. Pelas palavras de Jesus, podemos entender que o único caminho da salvação é a prática da caridade com humildade, absolutamente contrário ao caminho da perdição, do egoísmo e do orgulho.

Jesus também viera ensinar aos homens que a verdadeira vida não é a que transcorre
na Terra e sim a que é vivida no reino dos céus, ou seja nos mundos elevados da espiritualidade; viera ensinar-lhes o caminho que a esse reino conduz, os meios de eles se reconciliarem com Deus. Entretanto, não disse tudo, limitando-se, respeito a muitos pontos, a lançar o gérmen (a semente) de verdades que, segundo ele próprio o declarou, ainda não podiam ser compreendidas. Falou de tudo, mas em termos mais ou menos implícitos.

Para ser apreendido o sentido oculto de algumas palavras suas, mister se fazia que novas idéias e novos conhecimentos lhes trouxessem a chave indispensável, idéias que, porém, não podiam surgir antes que o espírito humano houvesse alcançado um certo grau de madureza. A Ciência tinha de contribuir poderosamente para a eclosão e o desenvolvimento de tais idéias. Importava, pois, dar à Ciência tempo para progredir.

- A terceira revelação é o Espiritismo
O Espiritismo é a ciência nova que vem revelar aos homens, por meio de provas
irrecusáveis, a existência e a natureza do mundo espiritual e as suas relações com o mundo corpóreo.

Nada ensina em contrário ao que ensinou o Cristo; mas, desenvolve, completa e explica, em termos claros e para toda gente, o que foi dito apenas sob forma alegórica. Vem cumprir, nos tempos preditos, o que o Cristo anunciou e preparar a realização das coisas futuras: a renovação do mundo, aproximação dos homens e torná-los irmãos; que há de fazer brotar de todos os corações a caridade e o amor ao próximo e estabelecer entre os humanos uma solidariedade comum; de uma moral, enfim, que há de transformar a Terra, tornando-a morada de Espíritos superiores aos que hoje a habitam. É a lei do progresso, a que a Natureza está submetida.